Qui. Jul 18th, 2019

Som Brutal

A casa de todo Metal

SEVI em entrevista

3 min read

Entrevista á banda Búlgara SEVI, por Miguel Ribeiro numa parceria com Hinft Webzine

Hintf: Obrigado por mais uma entrevista! Como tudo começou?


Bem, eu já falei sobre isso em nossa primeira entrevista, mas para aqueles que lêem sobre SEVI pela primeira vez – tudo começou em 2010, quando eu e o baixista Rally decidimos formar uma banda para que pudéssemos realizar nossas ideias. Estávamos tão empolgados e carregados de ideias que não foi difícil encontrar outras pessoas que acreditassem no projecto. E não importa quantos músicos entrem e saiam na banda durante os anos – SEVI ainda está aqui – 9 anos a viver o sonho.


Hintf: Como surgiu a ideia do nome Sevi?


 Ele sugeriu SEVI como meu nome artístico enquanto estávamos a trabalhar como um projecto a solo. É curto, fácil de lembrar e contém letras do meu nome Svetlana. Mais tarde, tornou-se também o nome da banda, uma vez que já tinha alguma história.Novamente Rally é o culpado


Hintf: Consideram-se heart rock, porquê?


Bem, recentemente a maioria das bandas descreve seu estilo listando uma combinação de 5,6 estilos. Queríamos colocar todas as influências em uma palavra e, assim, nossa música vem do coração e da alma, decidimos chamar-se Heart Rock


Hintf: “Follow Me”, o vosso novo álbum, como acham que os media e os fãs o vão receber?


Nós já tivemos óptimas críticas dos media e os fãs dizem que os outros dois álbuns foram como uma preparação para este álbum. Nós trabalhamos muito neste álbum e eu estou feliz que os fãs o adoram. Eu também estou feliz por termos tido a hipótese  de trabalhar com artistas como Thomas Vikstrom (Therion) e Jen Majura (Evanescence) que acreditaram em nós e deram ainda mais poder e cor ao álbum.


Hintf: Como é a cena musical na Bulgária?


Está a ficar melhor, acho eu. Nós temos alguns novos grandes festivais a chegar, novas bandas nasceram recentemente e eu acho que se conseguirmos criar algumas boas editoras e empresas aqui, talvez o melhor ainda esteja por vir.
Somos um país pequeno, mas todos os grandes artistas que vieram tocar na Bulgária disseram que aqui encontraram o público mais caloroso do mundo. Temos óptimos fãs aqui e isso é realmente importante quando estás no palco.
De qualquer forma, o difícil é talvez fazer os jovens comparecerem a um concerto ao vivo. Hoje em dia, quando tens toda a variedade de estilos, músicas e concertos na internet, fica cada vez mais difícil fazer os jovens irem a um concerto ao vivo. Então, acredito que esse é o objectivo principal que precisamos alcançar agora.


Hintf: Para quando uma editora?


Se perguntam quando estamos a planear assinar um contrato com uma editora, bem, nós tivemos muitas propostas de empresas, mas ainda não encontramos o que seria bom para nós como condições até agora.
É um passo muito importante que pode torná-lo realmente grande ou destruí-lo, por isso  precisas ser cuidadoso na sua escolha.


Hintf: O que sabem sobre Portugal?


 Um dos meus sonhos é ir em tour a Portugal e ver todas as coisas lindas que podem mostrar para o mundo.Adoro as cores de Portugal, adoro o Fado e adoro os eléctricos.


Hintf: Uma mensagem final para os nossos leitores e para os vossos fãs portugueses….


Fiquem ligados na boa música leiam a Hintf Webzine fiquem cientes de que nunca saberão quando os SEVI vos irão agitar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Grupo Facebook

 
Grupo do Som Brutal
Grupo público · 126 membros
Aderir ao grupo
O Grupo Som Brutal é aberto a todos os que gostam de música dentro da temática Rock/ Metal. Existe liberdade de divulgação e comunicação dentro do gru...
 
Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.