Grupo Facebook

 
Grupo do Som Brutal
Grupo público · 126 membros
Aderir ao grupo
O Grupo Som Brutal é aberto a todos os que gostam de música dentro da temática Rock/ Metal. Existe liberdade de divulgação e comunicação dentro do gru...
 

SOM BRUTAL #10 Junho

Novembro 24, 2020

A casa de todo Metal

Entrevista: Sonata Arctica (Henrik Klingenberg // Teclista)

Por: Rak Miranda

Numa parceria HintfWebzine / Som Butal

Hintf: Olá, muito obrigada por tirarem algum tempo e fazerem esta entrevista para nós. Podes-te apresentar?

Henrik: Sou o Henrik, teclista de Sonata Arctica.

Hintf: Vocês começaram em 1995. Podes-nos dizer, quais os momentos importantes de que te lembras dessa era e porquê?

 Henrik: Não muito, desde que eu não estava com a banda naquela época. Eu estou desde a gravação do terceiro álbum, Winterheart’s Guild, por volta de 2002.

Para mim, a primeira vez que fomos em tournée no Japão, foi um grande sonho tornado realizado para mim.

Hintf : Desde 1999, com “Ecliptica” e “Talviyö” (lançado dia 6 de Setembro deste ano), vocês contam com dez  álbuns na vossa discografia. Quais álbuns foram os mais difíceis ou fáceis de produzir?

Henrik: Eu acho que todos os álbuns exigiram uma certa quantidade de trabalho, para fazê-los parecer ótimos. Os quais eu tenho tocado, diria que “Reckoning Night”  and “The Days of Grays” foram os mais difíceis e os últimos álbuns foram bastante fáceis ou mais fáceis. Não acho que qualquer álbum que tenha feito, fosse fácil… excepto o álbum “Hair of the Dog, com outra das minhas bandas: Mental Care Foundation…que foi feito num fim-de-semana.

Hintf: “A Little Less Understanding” foi o primeiro “aperitivo” para o álbum. Qual o conceito por trás disso?

Henrik: Nós estávamos realmente a pensar num par de canções, para serem lançadas como primeiro single, mas na última da hora ficámos com esta, como uma primeira amostra do álbum. A canção é muito simples e direta e o conteúdo lírico está na veia, tanto quanto entendi direito 😉

Hinft: “Who Failed The Most”, primeiro single lançado através da Nuclear Blast Records. Podes, por favor, dizer o significado da canção e da ideia para o vídeo?

Henrik: Acho que “Cold” foi o primeiro single e primeiro vídeo, mas quem sou eu para saber? No que diz respeito à letra, terás que verificar com o Tony, pois é um pouco enigmático. Quando filmámos o vídeo, também estávamos a fazer 2 faixas, por isso tentámos encontrar algo diferente e fomos para uma cena ao ar livre, com uma fábrica meio abandonada, como fundo, para enfatizar algumas partes da letra.

Hintf: Vamos voltar atrás e relembrar uma das mais icónicas músicas da banda: : “Tallulah”. Muitas pessoas associam com esta canção. Podes explicar a letra (se tem um significado pessoal), a melodia e porque é tão aguardada nos concertos?

Henrik: Tenho quase a certeza que tem a ver imaginação fértil do Tony e não tem absolutamente nada a ver com a vida real. A canção é, contudo, uma boa balada pop e muita gente realmente gosta dela, o que realmente é ótimo.

Hinft: Vocês estão a começar  uma tour, para promover “Talviyö”  e Portugal não foi incluído. Não houveram boas ofertas de promotores, para virem cá?

 Henrik: Não sei disso, os nossos agentes preparam as tours e por alguma razão, Portugal infelizmente, não estava não estava no itinerário da tour este ano.  É realmente mau, pois tivemos bons concertos em Portugal ao longo dos anos. Tenho a certeza que eventualmente regressaremos.

Hinft: Podem os fãs portugueses esperar que vocês venham a ambas as cidades em breve (Porto e Lisboa)?

Henrik: Eu realmente espero que sim, mas, mais uma vez, não está, nas nossas mãos.

Hinft: Obrigada pelo teu tempo e poedrias deixar uma mensagem para os fão portugueses, para os acalmar?

Henrik: Obrigado pelo apoio ao longo dos anos e espero vê-los em breve, cheers  beers !!