MERCIC 5 em Review

Mercic Uma das poucas bandas Portuguesas composta de um só homem (Carlos Maldito) com um som dentro do Indutrial, está de regresso desde Maio com um novo trabalho o Mercic 5.

Mantendo o seu foco principal dentro da sonoridade a que já nos habituou que  é o industrial, misturado  com outros elementos, sendo, que muitas das vezes a par com as letras, a e criação de músicas que não são de consumismo imediato nem para consumidores de música pré feita. De realçar que neste novo trabalho Carlos continua a usar a sonoridade da Guitarra Portuguesa , sendo assim possível dizer que este novo trabalho é de certa forma a continuação do anterior. Poderá Carlos Maldito neste novo trabalho estar a ser um pouco mais experimental que nos anteriores e dar assim nova vida ao Rock Industrial? No Som Brutal achamos que sim e que se trata da evolução natural de um músico que sabe perfeitamente o que quer. O álbum está bem equilibrado na sua sonoridade apesar de parecer que ao contrario de trabalhos anteriores, não haver desta vez uma sequência na letra das canções mas sim na sonoridade, no entanto o equilíbrio está lá e é bom de se ouvir.

Mercic tem uma estabilidade nos seus lançamentos que é muito saudável, Carlos tem conseguido apresentar material novo todos os anos desde o início do projeto em 2015.

Para este Mercic 5 Carlos contou com a colaboração de vários músicos convidados como o Brasileiro Carlos Lichman, guitarrista que participou nos temas Reborn” e “The Time Is Now”,  César Palma ficou com guitarras e sintetizadores nos temas “The Moorings”, “There’s No Winning Without Losing Something”, “Infinite Days Dipped In Doubt” tendo também dado voz ao coro no tema Reborn”. Jorge Caldeira, Miguel Ribeiro, Paulo Dimal, Carlos Ferraz tiveram importantes participações nos restantes temas

O destaque vai para os temas em Português  “A Mesma Pedra Que Se Incide Sobre O Passado, Constrói O Futuro”, Sandra Félix (esposa de Carlos Maldito) participou na voz do tema “Bound to You” e também colaborou na ArtWork do álbum.

Em resumo Carlos mantém neste seu novo trabalho Mercic 5 a qualidade que já nos habituou , estando sempre a elevar a fasquia para o próximo. Mantendo na sua base das letras das canções um olhar sobre a sociedade actual do ponto de vista do seu autor a par com alguma introspecção.

Como nota final, fica a avaliação de 8,9/10

Ficamos com a certeza que Carlos Maldito ainda vai explorar mais as capacidades demonstradas neste álbum e que nos vai brindar com um trabalho futuro de enorme qualidade.

One thought on “MERCIC 5 em Review

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *