Mercic 7 – Review

Na ultima review que fizemos a um trabalho de Mercic foi no lancamento do álbum Mercic 5, hoje voltamos a fazer desta feita ao ultimo trabalho da banda o Mercic 7. Mantemos toda a opinião anterior e reforçamos.

Mantendo o seu foco principal dentro da sonoridade a que já nos habituou que  é o industrial, misturado  com outros elementos, sendo, que muitas das vezes a par com as letras, a e criação de músicas que não são de consumismo imediato nem para consumidores de música pré feita. De realçar que neste novo trabalho Carlos continua a mescla interessante de instrumentos para dar uma sonoridade bem original e coesa.

Poderá Carlos Maldito neste novo trabalho estar a ser um pouco mais experimental que nos anteriores e dar assim nova vida ao Rock Industrial? No Som Brutal achamos que sim e que se trata da evolução natural de um músico que sabe perfeitamente o que quer. O álbum está bem equilibrado na sua sonoridade.

Este álbum Mercic 7 tem um conjunto de 10 temas, todos eles em Português e em regra geral com dimensão épica. Com participação em diversos níveis como instrumentais e vocais Carlos conta com Manuel Melo e César Palma no tema de abertura “Batalha de Egos”

Temas do álbum Mercic 7 são um total de 30 minutos e 66 segundos

“Batalha de Egos”
“Reage”
“Começa a Viver-Te”
“Sê Audaz”
“Já Não Te Pertences”
“Se Pequeno for o teu Pensamento, Jamais Serás Grande em Algo”
“Foge & Liberta-Te”
“Há Sempre Um Vazio”
“Olha-Te ao Espelho”
“Somos Erros”

Para finalizar damos a este álbum a nota 9 e recomendamos a sua audição como obrigatória.

, ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *